De Segunda a Sexta-feira: 07:00 às 21:30 e Sábado: 09:00 às 13:00
 
 
HOME
NOSSO ESTÚDIO
AULAS
MASSAGENS
TERAPIAS NATURAIS
HORÁRIOS
BLOG
AGENDA
FALE CONOSCO
 
Ícone de menu
HOME
NOSSO ESTÚDIO
AULAS
MASSAGENS
TERAPIAS NATURAIS
HORÁRIOS
BLOG
AGENDA
FALE CONOSCO

Fundamentos do Yoga: Satya

Compromisso com a veracidade

Satya é um termo sânscrito que significa “verdade” e faz parte do código de ética do Yoga, composto por dez fundamentos divididos em Yamas, atitudes que o yogue deve praticar, e Nyamas, atitudes que devem ser promovidas pelo yogue.

De maneira geral, o yama Satya prega o compromisso com a veracidade e a abstenção da mentira.

Ou seja, deve-se evitar o uso da inverdade e procurar pensar e agir com honestidade consigo e com os outros, sem agredi-los.

Fundamentos do Yoga: Satya: mulher em saudação Namastê.

Satya na prática de Yoga

No Yoga, Satya diz respeito à clareza das nossas intenções e objetivos em relação à prática.

Embora o objetivo absoluto do Yoga seja a liberdade, cada indivíduo possui objetivos relativos diferentes, que podem ir da busca pela espiritualidade ao tratamento de problemas de saúde, entre muitos outros.

Logo, aplicar o fundamento da verdade na prática do Yoga significa saber quais são os seus objetivos e quais os meios mais adequados para atingi-los.

A verdade e a não-violência

Satya significa agir com sinceridade. Em nossa vida prática, muitas vezes confundimos uma postura sincera com atitudes grosseiras, como o uso de palavras indelicadas e ofensivas. Isso é uma deturpação do conceito, que fere o Ahimsa (não-violência), outro fundamento do Yoga.

Assim, uma boa prática de Satya leva em consideração não apenas o ato de falar a verdade, mas também a maneira de expressá-la, de modo a não machucar as pessoas. Isso significa, inclusive, que em situações onde temos que escolher entre uma franqueza que magoe e evitar o sofrimento desnecessário, devemos optar pela prática de Ahimsa em detrimento da Satya.

Agir com sinceridade não significa dizer absolutamente tudo o que se pensa, principalmente de maneira agressiva, mas expressar a verdade dentro de um contexto que leve em consideração os sentimentos do outro, sem desrespeitá-lo, enganá-lo ou iludi-lo.

Como aplicar a Satya na conduta cotidiana?

Nos dias de hoje, em que somos encorajados a tomar atitudes egoístas, competitivas e individualistas, as mentiras são estimuladas como forma de diminuir os conflitos sociais e tornar a vida mais fácil.

Isso é uma ilusão.

Na verdade, o hábito de mentir gera ainda mais transtornos, causando sofrimento em quem é iludido e roubando a paz de espírito de quem mente, uma vez que terá de conviver com a apreensão de ser descoberto e o constrangimento, quando isso acontecer.

Fundamentos do Yoga: Satya: mulher fazendo meditação.

Tudo isso nos afasta do autoconhecimento e da ética. Por isso, trouxemos algumas dicas de como aplicar o princípio da Satya no dia a dia:

Não deixe boatos serem propagados

Segundo o código de ética do Yoga, “ouvir boatos e deixar que sejam divulgados é tão grave quanto passá-los adiante”. Assim, ao ouvir uma mentira, injustiça ou distorção da verdade, não se omita: se posicione.

Seja fiel aos seus princípios

Observe a maneira como você atua em público ou dentro de grupos. Cuide para se manter fiel aos seus princípios e não se deixar levar pelas ideias e gostos de outras pessoas. Seja você.

Não engane a si mesmo

Um dos passos mais importantes na prática da Satya é não se auto-iludir. Atitudes baseadas no medo, na ignorância e na recusa em aceitar as pessoas e as coisas como elas são nos afastam da autenticidade e nos levam a cometer microagressões.

Espere ser questionado

Em determinados contextos, é recomendável esperar ser questionado antes de dizer o que você pensa.

Nem sempre as pessoas estão abertas a ouvir as opiniões, especialmente se elas forem contrárias. Expressar sem solicitação pode também ser uma forma de agressão.

Evite a falsidade

Portar-se de maneira honesta significa alinhar os pensamentos, palavras e atitudes. Assim, busque dizer o que você pensa de maneira sensível e gentil, cuidando para expressar a verdade de uma maneira que beneficie o outro, em vez de causar sofrimento.

Pratique a meditação

A meditação, além de aliviar o estresse, desperta o autoconhecimento. Assim, a prática meditativa naturalmente estimula que busquemos a honestidade, seja para com os outros, seja conosco.

Embora não seja uma tarefa fácil ser quem realmente somos e agir sempre com a verdade, o esforço vale a pena.

A honestidade melhora e fortalece os nossos relacionamentos, faz com que tenhamos credibilidade e nos confere paz de espírito para vivermos de maneira mais plena.

Dentre os princípios básicos que compõem o código de ética do Yoga, a Satya é o segundo: relembre os outros fundamentos e não deixe de agendar uma aula experimental conosco para aproveitar todos os benefícios da prática na sua vida!


Gostou da matéria?

Compartilhe com seus contatos!


Facebook do Essência Yoga Instagram do Essência Yoga LinkedIn do Essência Yoga Twitter do Essência Yoga


Essência Yoga | Yoga e Massoterapia © 2016 | Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Linking Sites

Whatsapp